Jair Bolsonaro Dispara: E Com Razão



O deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) conversou com a jornalista Daniela Paixão, em Brasília, sobre suas polêmicas declarações. Veja os principais trechos da entrevista. Imagens e edição: Wallace Martins.




8 comentários:

TATIANA disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
menina limão disse...

Olá, querido estou te seguindo, se vc puder segue o meu, adorei seu blog, parabéns.
Vc viu os vídeos da menina limão? Obrigada,
bjs

Giba disse...

Hoje em dia se confunde liberdade com libertinagem e tudo o mais que o politicamente correto nos tras.
Se você for sincero em suas palavras e seus depoimentos vão lhe acusar de algofobia.
Por enquanto estou pretendendo criar a campanha contra o Gibanetfobia.
Um grande abraço
Giba

http://isabelsmoment.zip.net disse...

oi já estou te seguindo, e venha se associar na Uniao dos Blogueiros do meu site: http://isabelsmoment.zip.net. e muito bom estar aqui!!!

Pr. ederson pereira disse...

paz meu irmão! obrigado por me seguir ja estou te seguindo tbem só ñ consegui postar foto seja bem-vindo tbem ok! abraço.

JCavalheiro disse...

Olá irmão Marivan já acessei seu blog e gostei. Já sou seguidor. Obrigado por acessar e seguir meu blog.

Quanto ao deputado Jair Bolsonaro, apesar de alguns de seus extremismos aos quais a imprensa tem se esmerado em criticar, sou obrigado a concordar com muitas de suas posições. Desculpem-me aqueles que discordam.

Abraços:

João Q. Cavalheiro
www.aramasi.blogspot.com

menina limão disse...

Oi querido, passei para desejar uma boa semana.
Gostaria, também de convida-lo a conferir o vídeo novo da menina limão que postarei essa semana.
Obrigada,
fica com Deus,
beijos

Neusa Fiesta disse...

A CORAGEM DE UM PARLAMENTAR para se manifestar sobre racismo ou homofobia não pode ferir, como alguns querem, o decoro parlamentar. A LIBERDADE DE EXPRESSÃO É CONSTITUCIONAL. Os tribunais estão aí para examinar as pendengas dos ofendidos. Por desrespeito a decoro parlamentar o Congresso Nacional está cheio de políticos e ninguém é punido. Agora, 20 parlamentares pretenderem fazer coro para punir o DEPUTADO BOLSONARO por suas fortes declarações, fora do Congresso, é uma demonstração de comportamentos ultramoralistas. Tem muito político que não deveria estar no Congresso por falta de comportamento ético e moral e, no entanto, continuam dando as cartas, aprovando leis, abiscoitando R$ 26.700,00 mensais e não são punidos pelos "corajosos" parlamentares que agora querem castigar o DEPUTADO BOLSONARO.



O DEPUTADO BOLSONARO, fora das paredes do Congresso, é um homem comum, e tem o direito de expor o seu ponto de vista e responder como quiser aos mais intrigados questionamentos. O ex-presidente Lula DIZIA O QUE QUERIA E NEM POR ISSO TEVE O SEU MANDATO CASSADO. Vamos devagar com o andor... Vamos parar com essa mania mórbida de perseguição racial ou homofóbica. Agora tudo se resume em preconceito? O conceito tortuoso está na MENTE DOENTIA de quem tenta ver fantasma em dia claro. Temos que parar com isso. Dos 20 deputados inquisidores, quem já saiu em defesa de algum cidadão "branco" ou heterossexual que porventura tenha sido desrespeitado aqui fora? QUEM? Há coisas mais importantes para um deputado se preocupar durante o mandato. O montante de imposto que se paga exige maior identificação desses 20 deputados com os problemas brasileiros ainda não solucionados do que se envolverem com uma declaração pessoal do DEPUTADO BOLSONARO.

ONDE O SEU CORAÇÃO ESTÁ BATENDO